MET Gala além do Red Carpet

Enquanto metade da sua timeline postava fotos do fim do feriado, provavelmente a outra parte falava sobre o concorrido MET Gala em Nova York. Um dos últimos tapetes vermelhos da temporada foi um dos assuntos mais comentado na noite de segunda na internet. Mas afinal o que é o evento e o que raios são Rei Kawakubo e Comme des Garçons? 

 

“Fashion is something that you can attach to yourself,
put on, and through that interaction, the meaning of it is born.” 

Rei Kawakubo

 

 

Rei Kawakubo/Comme des Garçons: Art of the In-Between / divulgação

 

Todo ano o Metropolitan Museo of Art de Nova York realiza em parceria com a revista Vogue o baile de gala MET para celebrar a abertura da exposição anual do departamento de moda do museu. Celebrando estilistas, épocas e estilos icônicos da moda. O evento anual já tem mais de 45 edições e reúne celebridades e os nomes mais importantes da industria devidamente convidados por Anna Wintour, editora-chefe da revista Vogue nos Estados Unidos.  

 

A edição deste ano Rei Kawakubo/Comme des Garçons: Art of the In-Between apresenta o controverso e avant garde mundo da estilista japonesa, criadora da marca Comme des Garçons que há 36 anos desfila suas coleções na semana de moda de Paris.

 

 

Rei Kawakubo/Comme des Garçons: Art of the In-Between / divulgação

 

A marca sediada em Tóquio e Paris tem um apelo conceitual muito forte em suas criações e descontrói tudo o que é tradicional na moda com silhuetas distorcidas e amórficas, usando tecidos, adornos e estampas não convencionais. Muitos no mercado da moda dizem que a marca não possui clientes e sim seguidores de um estilo de vida

 

 

“In Comme des Garçons, I hardly do any sketches;
there's no fittings on bodies, there's no models that come in and say,

"Oh, a little bit like this." In the beginning, there isn't even a theme.

It's like getting the whole world at your feet - to empty your mind of everything

that's ever happened before, to get an empty space.” 

Rei Kawakubo

 

Rei Kawakubo/Comme des Garçons: Art of the In-Between / divulgação

 

Essa disruptura com o tradicional que Rei busca não se limita somente a moda,  e fez com que ela se projetasse internacionalmente e seja hoje um dos grandes nomes que influenciam e incentivam uma geração que seja original e transformadora, usando a moda, a arte e o design como porta voz de seu estilo de vida. 

 

 

“What I want to express is a feeling-various emotions that I am experiencing

at the time-whether it is anger or hope or anything else, and from different angles.

I construct a collection and it takes concrete form. That's probably what appears conceptual

to people because it never starts out with any specific historical or geographical reference.

My point of departure is always abstract and multileveled.”  

Rei Kawakubo

 

 

Rei Kawakubo/Comme des Garçons: Art of the In-Between / divulgação

 

Na nossa seleção do Red Carpet do MET reunimos os looks que trouxeram essa estética de ruptura e avant garde para o red carpet, sendo Comme des Garçons ou não.  

 

 

 

imagens: E! Entertaiment / David X Prutting/BFA.com / Pop Sugar UK : reprodução

 

 

 

 

Please reload